Top thingy left
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
     
 

2 de dezembro de 2022
A deteção mais distante de um buraco negro a engolir uma estrela
No início deste ano, o VLT (Very Large Telescope) do ESO recebeu um alerta após uma fonte de luz visível invulgar ter sido detetada por um telescópio de rastreio. O VLT, juntamente com outros telescópios, foi rapidamente apontado na direção desta fonte: um buraco negro supermassivo numa galáxia distante que tinha "devorado" uma estrela, expelindo os restos da "refeição" sob a forma de um jato. [Ler mais]

     
     
  2 de dezembro de 2022
Astrofísicos à caça do segundo buraco negro supermassivo mais próximo
Dois astrofísicos do Centro para Astrofísica | Harvard & Smithsonian sugeriram uma forma de observar o que poderá ser o segundo buraco negro supermassivo mais próximo da Terra: um gigante com 3 milhões de vezes a massa do Sol, hospedado na galáxia anã Leo I. [Ler mais]
     
     
  2 de dezembro de 2022
Astrónomos observam auto-controlo estelar em ação
Muitos factores podem limitar o tamanho de um grupo, incluindo fatores externos sobre os quais os membros não têm qualquer controlo. Os astrónomos descobriram que grupos de estrelas em certos ambientes, porém, podem regular-se a si próprios. [Ler mais]
     
     
  29 de novembro de 2022
Rover Perseverance deteta mais carbono orgânico em Marte, em busca de sinais de vida
No chão da cratera Jezero, o rover Perseverance da NASA descobriu sinais de moléculas orgânicas, os tipos de químicos que compõem a vida na Terra. Com base nas medições que o rover tem realizado até agora, é impossível dizer se as moléculas orgânicas provêm de vida antiga ou de processos geológicos. [Ler mais]
     
     
  29 de novembro de 2022
IXPE ajuda a resolver o mistério dos jatos dos buracos negros
Os blazares são alguns dos objetos mais brilhantes do céu. São constituídos por um buraco negro supermassivo que se alimenta de material que gira à sua volta num disco, o que pode criar dois poderosos jatos perpendiculares de cada lado do disco. Os blazares são especialmente brilhantes porque um dos seus poderosos jatos de partículas altamente velozes aponta diretamente para a Terra. Durante décadas, os cientistas têm perguntado: como é que as partículas nestes jatos são aceleradas a energias tão elevadas? [Ler mais]
     
     
  29 de novembro de 2022
Astrónomos observam a luz intra-grupo - o brilho elusivo entre galáxias distantes
Uma equipa internacional de astrónomos direcionou uma nova técnica para a ténue luz entre galáxias - conhecida como "luz intra-grupo" - para caracterizar as estrelas que aí habitam. A Dra. Christina Martínez-Lombilla, autora do estudo publicado na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, da Escola de Física da Universidade de Nova Gales do Sul, disse: "Não sabemos quase nada sobre a luz intra-grupo". [Ler mais]
     
     
  25 de novembro de 2022
Webb revela, como nunca antes, uma atmosfera exoplanetária
O Telescópio Espacial James Webb da NASA/ESA/CSA acabou de "marcar outro golo": um retrato molecular e químico dos céus de um mundo distante. Ao passo que o Webb e outros telescópios espaciais, incluindo o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA, revelaram anteriormente ingredientes isolados da atmosfera quente deste planeta, as novas leituras fornecem um menu completo de átomos, moléculas e até mesmo sinais de química ativa e nuvens. [Ler mais]
     
     
  25 de novembro de 2022
Determinada a forma do halo estelar da Via Láctea
Um novo estudo revelou a verdadeira forma da nuvem difusa de estrelas que rodeia o disco da nossa Galáxia. Durante décadas, os astrónomos pensaram que esta nuvem de estrelas - chamada halo estelar - era largamente esférica, como uma bola de praia. Agora, um novo modelo baseado em observações modernas mostra que o halo estelar é oblongo e inclinado, muito semelhante a uma bola de râguebi. [Ler mais]
     
 
Arquivo de notícias
 
  IMAGEM DO MÊS  
  M33: A Galáxia do Triângulo
Crédito: Processamento - Robert Gendler; Dados - Arquivo do Legado HubbleKPNONOIRLabNSFAuraRobert Gendler
 
     
 
A pequena constelação norte do Triângulo abriga esta espantosa galáxia espiral, M33. Entre os seus nomes populares destacam-se Galáxia do Cata-vento e Galáxia do Triângulo. M33 mede mais de 50.000 anos-luz em diâmetro e é a terceira maior galáxia do Grupo Local, a seguir à Galáxia de Andrómeda (M31) e à nossa Via Láctea. A cerca de 3 milhões de anos-luz da nossa Galáxia, pensa-se que a própria M33 seja uma galáxia satélite da Galáxia de Andrómeda e quaisquer astrónomos que se encontrassem nestas duas galáxias muito provavelmente teriam vistas espetaculares dos sistemas estelares espirais uma da outra. No que diz respeito à vista a partir da Via Láctea, esta imagem nítida combina dados de telescópios espaciais e no solo para mostrar os enxames azulados e regiões cor-de-rosa de formação estelar ao longo dos braços espirais de M33. De facto, a cavernosa NGC 604 é a região de formação estelar mais brilhante, vista aqui na posição da 1 hora a partir do centro da galáxia. Tal como M31, a bem-medida população de estrelas variáveis de M33 tem ajudado a fazer deste nosso vizinho galáctico uma espécie de "régua cósmica" para estabelecer a escala de distâncias do Universo.
 
     
 
 
   

Apresentação às Estrelas | Quando acaba este ano?
Data: 7 de dezembro de 2022
Hora: 18:30-20:30
Por que é que não se chama ao mês 12 Dozembro? Esta e outras curiosidades anuais estarão em destaque na apresentação, que será seguida de observação noturna com telescópio se a meteorologia o permitir.
Adulto: 4€
Jovem: 2€
Menores de 12 anos: gratuito.
Lotação máxima de 12 pessoas.
A observação astronómica depende de condições meteorológicas favoráveis.
Inscrições obrigatórias (info@ccvalg.pt)
Pré-inscrições válidas até às 17:00 do dia anterior à realização da atividade. Após a hora referida o lugar pode não ser garantido
Telefone: 289 890 920
E-mail: info@ccvalg.pt


 
 
   

Receba as mais recentes notícias de Astronomia e imagens no seu e-mail, bem como efemérides astronómicas dos próximos dias.

INSCREVA-SE AQUI!!

Se já está inscrito e pretende cancelar a sua assinatura, também o poderá fazer nesta página.


 
    EFEMÉRIDES ASTRONÓMICAS - DEZEMBRO
   
 
    O SOL AGORA
(cortesia SDO)
Carregar na imagem para ver mais
 
 
  FASE ATUAL DA LUA
(cortesia USNO)
Carregar na imagem para ver calendário
 
Top Thingy Right