Top thingy left
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
     
  23 de outubro de 2018
Kes 75: o mais jovem pulsar da Via Láctea expõe segredos de morte estelar
Cientistas confirmaram a identidade do mais jovem pulsar na Via Láctea usando dados do Observatório de raios-X Chandra da NASA. Este resultado pode fornecer aos astrónomos novas informações sobre como algumas estrelas terminam as suas vidas. [Ler mais]
     
     
  23 de outubro de 2018
BepiColombo descola para investigar os mistérios de Mercúrio
A missão ESA-JAXA BepiColombo a Mercúrio descolou num Ariane 5, a partir do Porto Espacial Europeu em Kourou, às 01:45:28 GMT de 20 de outubro, para a sua emocionante missão de estudar os mistérios do planeta mais interior do Sistema Solar. Os sinais da nave espacial, recebidos no centro de controlo da ESA em Darmstadt, na Alemanha, através da estação de monitorização terrestre de Nova Nórcia, às 02:21 GMT, confirmaram que o lançamento foi bem-sucedido. [Ler mais]
     
     
  19 de outubro de 2018
Tudo em família: detetado parente de fonte de ondas gravitacionais
Há cerca de um ano, os astrónomos relataram animadamente a primeira deteção de ondas eletromagnéticas, ou luz, de uma fonte de ondas gravitacionais. Agora, um ano depois, investigadores estão a anunciar a existência de um parente cósmico desse acontecimento histórico. A descoberta foi feita usando dados obtidos pelo Observatório de Raios-X Chandra, pelo Telescópio Espacial de Raios-Gama Fermi, pelo Observatório Swift Neil Gehrels, pelo Telescópio Espacial Hubble e pelo Telescópio do Discovery Channel. [Ler mais]
     
     
  19 de outubro de 2018
Descoberto o maior proto-enxame de galáxias
Com o auxílio do instrumento VIMOS, montado no VLT (Very Large Telescope) do ESO, uma equipa internacional de astrónomos descobriu uma estrutura colossal no Universo primordial. O proto-superenxame de galáxias — ao qual se chamou Hyperion — foi descoberto por meio de novas medições, às quais se juntaram análises complexas de dados de arquivo. Trata-se da maior e mais massiva estrutura alguma vez encontrada num tempo tão remoto e a uma distância tão grande — cerca de 2 mil milhões de anos após o Big Bang. [Ler mais]
     
     
  19 de outubro de 2018
Planetas gigantes em redor de estrela jovem levantam questões sobre a formação planetária
Investigadores identificaram uma jovem estrela com quatro planetas do tamanho de Júpiter e de Saturno em órbita, a primeira vez que tantos enormes planetas foram detetados num sistema tão jovem. O sistema também quebrou o recorde para o alcance mais extremo de órbitas já observado: o planeta mais exterior está mais de mil vezes mais distante da estrela do que o planeta mais interior, o que levanta questões sobre como tal sistema pode ter-se formado. [Ler mais]
     
     
  16 de outubro de 2018
Qual é o aspeto de um buraco negro?
No centro da nossa Galáxia encontra-se um buraco negro supermassivo rodopiante chamado Sagitário A* ou Sgr A*, para abreviar. Durante milhares de milhões de anos, o gás e poeira em redor têm caído na sua direção. E aproximadamente a cada 10.000 anos engole uma estrela próxima. Sgr A* é o maior buraco negro do nosso céu noturno, mas não sabemos qual o seu aspeto porque nunca conseguimos tirar uma fotografia do objeto. Isto é verdade para todos os buracos negros. São omnipresentes no nosso Universo, mas são tão pequenos no céu que não temos imagens detalhadas de nenhum. [Ler mais]
     
     
  16 de outubro de 2018
Estrela moribunda "sussurra"
Uma equipa de investigadores do Caltech observou a morte peculiar de uma estrela massiva que explodiu como uma supernova surpreendentemente fraca e que rapidamente desvaneceu. Estas observações sugerem que a estrela tem uma companheira invisível, desvinculando gravitacionalmente a massa da estrela para deixar para trás uma estrela "despida" que explodiu como uma rápida supernova. Pensa-se que a explosão tenha resultado numa estrela de neutrões moribunda que orbita a sua companheira densa e compacta, sugerindo que, pela primeira vez, os cientistas testemunharam o nascimento de um sistema binário e compacto composto por estrelas de neutrões. [Ler mais]
     
     
  12 de outubro de 2018
Conheça a missão europeia BepiColombo
Mercúrio é o planeta mais próximo do Sol (aproxima-se a pouco mais de 46 milhões de quilómetros durante o periélio) e é também o mais pequeno do Sistema Solar, e estas circunstâncias fazem com que o seu estudo com sondas espaciais seja mais complicado do que o habitual neste tipo de missões. A ESA, em conjunto com a agência espacial japonesa (JAXA), lançará o seu primeiro satélite para o planeta a 20 de outubro, a bordo de um foguetão Ariane 5, a partir de Kourou, e fá-lo-á com o objetivo de descobrir muitos dos segredos que Mercúrio ainda guarda zelosamente. [Ler mais]
 
Arquivo de notícias
 
  IMAGEM DO MÊS  
  Filamento Solar Entra em Erupção
Crédito: GSFC da NASAEquipa do AIA da SDO
(clique na imagem para ver versão maior)
 
     
 
O que aconteceu com o nosso Sol? Nada muito invulgar - apenas lançou um filamento. Em meados de 2012, um filamento solar de longa duração foi expelido para o espaço, produzindo uma energética Ejeção de Massa Coronal. O filamento havia sido retido durante dias pelo campo magnético do Sol, em constante mudança, e o momento da erupção foi inesperado. Observada de perto pela SDO (Solar Dynamics Observatory), em órbita do Sol, a explosão resultante disparou eletrões e iões para o Sistema Solar, alguns dos quais chegaram à Terra três dias depois e impactaram a magnetosfera da Terra, provocando auroras visíveis. Nesta imagem ultravioleta podem ser vistos, acima do filamento em erupção, "loops" de plasma em redor de uma região ativa. Embora o Sol esteja agora num estado relativamente inativo do seu ciclo de 11 anos, abriram-se buracos inesperados na coroa do Sol, permitindo que um excesso de partículas carregadas fluísse para o espaço. Tal como antes, essas partículas carregas estão a produzir auroras.
 
     
 
 
   

12/10/18 - VIAGEM INTERESTELAR

No âmbito da Semana Mundial do Espaço, irá realizar-se uma Observação Astronómica em Carvoeiro - "Viagem Interestelar", no anfiteatro do Forte da N.ª Sr.ª da Encarnação, às 20h00 de dia 12 de outubro. A atividade, em formato de aula de astronomia interativa, contará com projeção dos astros observados no Forte da N.ª Sr.ª da Encarnação (em Carvoeiro). Esta ação, de carácter gratuito, tem a coordenação do Município de Lagoa e do Centro Ciência Viva do Algarve, e será dinamizada pelo Eng.º Filipe Dias.

Inscrições e informações
Telefone: 282 380 456
E-mail: jose.vieira@cm-lagoa.pt


 
    ASTROBOLETIM  
   

Receba as mais recentes notícias de Astronomia e imagens no seu e-mail, bem como efemérides astronómicas dos próximos dias.

INSCREVA-SE AQUI!!

Se já está inscrito e pretende cancelar a sua assinatura, também o poderá fazer nesta página.


 
    EFEMÉRIDES ASTRONÓMICAS - OUTUBRO
   
 
    O SOL AGORA
(cortesia SDO)
Carregar na imagem para ver mais
 
 
  FASE ATUAL DA LUA
(cortesia USNO)
Carregar na imagem para ver calendário
 
Top Thingy Right