Top thingy left
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 

23 de junho de 2017
Os cientistas e o curioso caso da Cintura de Kuiper deformada
De acordo com uma nova investigação das órbitas de planetas menores a ser publicada na revista The Astronomical Journal, um "objeto de massa planetária" desconhecido, ainda por identificar, pode esconder-se nos confins do nosso Sistema Solar. Este objeto será diferente - e também muito mais próximo - do denominado Planeta Nove, um planeta cuja existência ainda aguarda confirmação.
Ler mais

  23 de junho de 2017
Hubble capta massivo disco galáctico "morto" que desafia as teorias da evolução das galáxias
Ao combinar o poder de uma "lente natural" no espaço com a capacidade do Telescópio Espacial Hubble da NASA, astrónomos fizeram uma descoberta surpreendente - o primeiro exemplo de uma galáxia em forma de disco, compacta ainda que massiva, e de rápida rotação, que deixou de fabricar estrelas apenas poucos milhares de milhões após o Big Bang. Ler mais
 

20 de junho de 2017
NASA divulga catálogo do Kepler com centenas de novos candidatos a planeta
A equipa do telescópio espacial Kepler da NASA lançou um novo catálogo de candidatos a planeta que introduz 219 entradas, 10 dos quais são de tamanho quase terrestre e orbitam na zona habitável da sua estrela, que é a gama de distâncias, em redor de uma estrela, onde a água líquida pode existir à superfície de um planeta rochoso.
Ler mais

  20 de junho de 2017
Nuvem caoticamente magnetizada não é lugar para construir uma estrela. Ou é?
Durante décadas, os cientistas pensavam que as linhas do campo magnético em torno de uma estrela em formação eram extremamente poderosas e ordenadas, deformando-se somente sob extrema força e a uma grande distância da estrela nascente.
Ler mais
 

16 de junho de 2017
Equipa da New Horizons examina novos dados do próximo alvo da sonda
Foi a campanha de observação de uma ocultação estelar mais tecnicamente desafiadora e complexa já tentada: pelo menos 54 equipas, com dúzias de telescópios espalhados por dois continentes, posicionados para capturar um vislumbre raro e de dois segundos de um pequeno e distante objeto da cintura de Kuiper a passar em frente de uma estrela. E não era um qualquer KBO - é o próximo alvo da missão New Horizons da NASA.
Ler mais

  16 de junho de 2017
Novas evidências de que todas as estrelas nascem aos pares
Será que o nosso Sol teve um gémeo quando nasceu há 4,5 mil milhões de anos? Quase de certeza que sim - embora não tenha sido um gémeo idêntico. E, tal como a nossa estrela-mãe, também todas as outras estrelas parecidas com o Sol no Universo. Ler mais
  16 de junho de 2017
Júpiter é provavelmente o planeta mais antigo do Sistema Solar
Um grupo internacional de cientistas descobriu que Júpiter é o planeta mais antigo do nosso Sistema Solar.
Ao estudar isótopos de tungsténio e molibdénio em meteoritos ferrosos, a equipa descobriu que os meteoritos são compostos por dois reservatórios nebulosos, geneticamente distintos, que coexistiram, mas permaneceram separados entre 1 e 3-4 milhões de anos após a formação do Sistema Solar. Ler mais
  13 de junho de 2017
Astrónomos explicam formação de sete exoplanetas em redor de TRAPPIST-1
Astrónomos da Universidade de Amesterdão forneceram uma explicação para a formação do sistema planetário TRAPPIST-1. O ponto crucial, de acordo com os investigadores da Holanda, é a linha onde o gelo se torna em água. Perto dessa linha de neve, as rochas que vaguearam a partir das regiões mais longínquas receberam uma porção adicional de água e aglomeraram-se para formar protoplanetas.
Ler mais
 
Arquivo de notícias
 
  IMAGEM DO MÊS  
  UGC 1810: Galáxias em Interação Selvagem
Crédito: NASAESAHubbleHLA; Processamento e Direitos de Autor: Domingo Pestana
(clique na imagem para ver versão maior)
 
     
  O que é que está a acontecer nesta galáxia espiral? Embora os detalhes permaneçam incertos, certamente tem a ver com uma batalha constante com a sua galáxia vizinha mais pequena. A galáxia principal é UGC 1810 mas, juntamente com a sua parceira colisional, são conhecidas como Arp 273. A forma geral de UGC 1810 - em particular o seu anel exterior azulado - é provavelmente o resultado de interações gravitacionais selvagens e violentas. A cor azul deste anel é causada por estrelas massivas azuis, quentes e que se formaram apenas nos últimos milhões de anos. A parte mais interna da galáxia parece mais velha, mais vermelha e contornada com poeira filamentar mais fria. No plano da frente são visíveis algumas estrelas brilhantes, sem relação com UGC 1810, e no plano de trás, algumas galáxias de fundo. Arp 273 situa-se a cerca de 300 milhões de anos-luz de distância na direção da constelação de Andrómeda. Muito provavelmente, UGC 1810 irá devorar a sua companheira galáctica ao longo dos próximos milhares de milhões de anos e assentar numa forma espiral clássica.  
     
 
 
   

DIA DO ASTEROIDE - OBSERVAÇÃO NOTURNA

20:30 - Palestra e sessão de observação às estrelas comemorativa do dia do asteroide.

No dia em que se comemora o Dia Internacional do Asteroide, promovido pela ONU, o Centro Ciência Viva do Algarve promove uma palestra com observação astronómica noturna com telescópio para toda a Família. (dependente de meteorologia favorável).

Este evento encontra-se inserido na Noite Europeia dos Investigadores e é completamente gratuito mediante inscrição.

Local: CCVAlg
Pré-inscrição: siga este link
Telefone: 289 890 920
E-mail: info@ccvalg.pt


 
    ASTROBOLETIM  
   

Receba as mais recentes notícias de Astronomia e imagens no seu e-mail, bem como efemérides astronómicas dos próximos dias.

INSCREVA-SE AQUI!!

Se já está inscrito e pretende cancelar a sua assinatura, também o poderá fazer nesta página.


 
    EFEMÉRIDES ASTRONÓMICAS - JUNHO
   
 
    O SOL AGORA
(cortesia SDO)
Carregar na imagem para ver mais
 
 
  FASE ACTUAL DA LUA
(cortesia USNO)
Carregar na imagem para ver calendário
 
Top Thingy Right