Top thingy left
 
ROVER CURIOSITY AJUSTA PERCURSO MONTANHA ACIMA
26 de maio de 2015

 

O rover Curiosity da NASA subiu na passada quinta-feira uma colina a fim de abordar um local alternativo para investigar uma fronteira geológica, depois de um local comparável ter provado ser difícil de alcançar.

O passeio de aproximadamente 22 metros acima de encostas tão íngremes quanto 21 graus trouxe o Curiosity para perto de uma área onde se encontram dois tipos distintos de rocha. A equipa científica do rover quer examinar um afloramento que contém o contato entre a unidade de rocha pálida que a missão analisou em partes mais baixas do Monte Sharp e uma unidade rochosa mais escura que a missão ainda não investigou de perto.

Há duas semanas atrás, o Curiosity dirigia-se para um local de contato geológico comparável mais para sul. Frustrada por ladeiras escorregadias no caminho, a equipa reencaminhou o veículo e escolheu um percurso mais para oeste. O planeamento estratégico da missão mantem várias opções em aberto com o intuito de lidar com tais situações.

"Marte pode ser muito enganador," afirma Chris Roumeliotis, condutor principal do Curiosity no JPL da NASA em Pasadena, no estado americano da Califórnia. "Nós sabíamos que as ondulações poligonais de areia fizeram com que o Curiosity derrapasse no passado, mas parecia aí haver terreno com características rochosas e mais consolidadas diretamente adjacentes a estas ondulações. Por isso, movemo-nos em redor das ondulações de areia para o que esperávamos ser terreno mais firme e que daria melhor tração ao Curiosity. Infelizmente, este terreno acabou por ser também material não consolidado, o que definitivamente surpreendeu-nos e também surpreendeu o Curiosity."

Em três dos quatro passeios entre 7 e 13 de maio, o Curiosity sofreu derrapagens superiores ao limite estabelecido para a condução e parou por motivos de segurança. O software a bordo do rover determina a quantidade de deslizamento que ocorre através da comparação entre a contagem de rotações das rodas com a distância real percorrida que é calculada através da análise de imagens obtidas durante as viagens.

O rover movia-se em geral para sul a partir da base de uma característica chamada "Jocko Butte" até um contato geológico na secção oriental da área de "Logan Pass".

As rotas até este local exigiam uma condução em encostas mais íngremes do que o Curiosity já tinha percorrido, e o rover já tinha sofrido deslizamento paralelo num declive desta área.

"Nós decidimos voltar até Jocko Butte e, ao mesmo tempo, trabalhar com os cientistas para identificar vias alternativas," explica Roumeliotis.

A equipa passou alguns dias a analisar imagens do rover e da sonda MRO (Mars Reconnaissance Orbiter) para escolher a melhor rota para os objetivos de curto e longo prazo.

"Um fator que a equipa científica tem em consideração é o tempo necessário para alcançar um alvo em particular, quando existem muitos outros em frente," afirma Ashwin Vasavada, cientista do projeto do Curiosity no JPL. "Nós usámos observações da MRO para identificar um local alternativo a fim de investigar o contacto geológico na área de Logan Pass. É um pouco arrebatador conduzir um monte acima até um local que apenas vimos em imagens de satélite e depois encontrá-lo à nossa frente."

O Curiosity tem vindo a explorar Marte desde 2012. Alcançou a base do Monte Sharp no ano passado depois de investigar produtivamente afloramentos mais perto do seu local de aterragem e, em seguida, de se dirigir para a montanha. O objetivo principal da missão é agora examinar camadas sucessivamente mais elevadas do Monte Sharp.

Links:

Cobertura da missão do rover Curiosity pelo Núcleo de Astronomia do CCVAlg:
17/04/2015 - Dados meteorológicos do Curiosity reforçam existência de salmoura
19/12/2014 - Rover Curiosity encontra química orgânica, passada e presente, em Marte
12/12/2014 - Rover Curiosity encontra pistas de como a água ajudou a moldar a paisagem marciana
07/11/2014 - Rover Curiosity encontra correspondência de minerais
12/09/2014 - Rover Curiosity chega ao Monte Sharp
24/06/2014 - Curiosity celebra primeiro ano marciano com sucessos da missão
24/12/2013 - Equipa do Curiosity verifica desgaste das rodas, actualiza software
10/12/2013 - Resultados do Curiosity incluem primeira medição de idade em Marte e ajudam à exploração humana
27/09/2013 - Resultados científicos do local de aterragem do Curiosity
27/09/2013 - Curiosity analisa rochas em ponto de paragem
20/09/2013 - Curiosity não detecta metano em Marte
06/08/2013 - Primeiro aniversário do Curiosity em Marte
23/07/2013 - Artigos relatam pistas do passado atmosférico de Marte
09/07/2013 - Rover Curiosity começa viagem até Monte Sharp
07/06/2013 - Cientistas calculam exposição à radiação durante viagem a Marte
04/06/2013 - Seixos comprovam antigo leito de rio em Marte
21/05/2013 - Rover Curiosity da NASA perfura segundo alvo
19/03/2013 - Rover Curiosity vê tendência em presença de água
15/03/2013 - Rover da NASA descobre que Marte já teve condições para suportar vida
05/02/2013 - Curiosity perfura rocha marciana pela primeira vez
18/01/2013 - Curiosity prepara-se para primeira perfuração marciana
28/12/2012 - Rover Curiosity passa Natal na "Casa da Avó"
11/12/2012 - O futuro do Curiosity: mapeamento montanhoso
04/12/2012 - Rover da NASA completa primeira análise de solo marciano
06/11/2012 - Rover Curiosity encontra pistas de mudanças na atmosfera de Marte
02/11/2012 - Curiosity analisa primeiras amostras de solo marciano
02/10/2012 - Curiosity descobre que tempo em Marte é surpreendentemente quente
28/09/2012 - Rover Curiosity descobre antigo leito na superfície marciana
21/09/2012 - Rover Curiosity aponta armas para rocha invulgar na sua viagem
07/09/2012 - Rover Curiosity começa actividades com o seu braço robótico
31/08/2012 - Curiosity começa viagem para Este
28/08/2012 - Curiosity envia incrível imagem em alta-resolução do Monte Sharp
21/08/2012 - Laser e braço do Curiosity passam primeiros testes
10/08/2012 - Curiosity envia 1.º panorama a cores
07/08/2012 - Curiosity aterra em Marte!
03/08/2012 - Rover Curiosity: tudo ou nada
31/07/2012 - Aterragem de rover marciano segue grande tradição dramática com 40 anos
17/07/2012 - Rover Curiosity a caminho da aterragem no início de Agosto
20/12/2011 - Rover marciano da NASA começa pesquisa no espaço
25/11/2011 - Como é que o Curiosity vai para Marte? Com muito cuidado
22/11/2011 - Mega-rover pronto para pesquisar sinais de vida em Marte
05/07/2011 - Rover Curiosity poderá subir monte com altura do Kilimanjaro

Notícias relacionadas:
NASA (comunicado de imprensa)
SPACE.com
PHYSORG

Rover Curiosity (MSL):
NASA
NASA - 2 
NASA - 3
Facebook
Twitter
Wikipedia

Marte:
Núcleo de Astronomia do CCVAlg
Wikipedia


comments powered by Disqus

 


No passado dia 10 de maio, a Mastcam do Curiosity capturou terreno que se assumiu serm complicado para uma travessia entre o rover e um afloramento à distância média onde rochas pálidas encontram-se com uma unidade rochosa mais escura um pouco acima. A equipa do rover decidiu não navegar até aí e identificaram uma alternativa.
Crédito: NASA/JPL-Caltech
(clique na imagem para ver versão maior)


O afloramento marciano onde a rocha pálida encontra-se com rocha mais escura no topo, obtida dia 21 de maio. Este é um exemplo de um contato geológico. Estes contatos podem revelar pistas sobre como as condições ambientais que produziram um tipo de rocha estavam relacionadas com as condições que produziram o outro.
Crédito: NASA/JPL-Caltech
(clique na imagem para ver versão maior)

 
Top Thingy Right